ANOTAÇÕES DA AULA 8

INTERDISCIPLINARIDADE X PEDAGOGIA

OBJETIVOS DA AULA:

- Refletir sobre as práticas pedagógicas para ensinar sobre os temas: Meio Ambiente e Educação Ambiental (EA), focalizando a interdisciplinaridade e a realização e projetos na educação básica.

- Apresentar algumas atividades que podem ser desenvolvidas nas escolas de forma interdisciplinar e-ou a partir da criação de projetos, focalizando junto aos alunos a consciência ambiental e auxiliando-os a realizar uma leitura das suas ações no planeta.

 

Conceitos:

Interdisciplinaridade: é mais aconselhável. Compartilhado entre professores diferentes. Os professores se reúnem para completar seu trabalho, estabelecendo um princípio teórico metodológico comum.

Transdisciplinarieade: termo mais complexo, mais difícil. Pressupõe o fim da fronteira entre os ramos do saber. Toda disciplina vai ter o mesmo peso do que outra. Não tem valor nem valoração. Ideia de ruptura.

Multidisciplinaridade: cada disciplina é estanque. Trabalhar sobre um tema, cada um preso dentro da sua lógica, dos seus objetivos específicos.

 

EA NA EDUCAÇÃO ESCOLAR: PRÁTICAS EDUCATIVAS INTERDISCIPLINARES

Sabemos que os problemas ambientais tiveram origem desde o momento em que o homem foi se distanciando da natureza e passou a encará-la a partir da ideia de que os recursos nela disponíveis seriam infinitos transformados em bens consumíveis (finitude).

Exemplo: Os EUA têm mais ou menos 3% da população mundial e consomem 25% de todo o petróleo mundial, de todo gás mundial. O gás natural é por volta de 26% e 25% do carvão mundial. Isso mostra como um país tem acesso e possibilidade de consumo de matrizes energéticas que outros países não têm. Então, temos alguns dados para mostrar como uma boa parcela da população vive para sobreviver. Exemplo: o continente africano, tem um bilhão de habitantes, nos mais de 43 países que compõem o continente africano e se a gente pegar toda a população feminina, 40% das mulheres da África, independente da idade, não tiveram nenhum contato com o ambiente escolar. Problema seríssimo que abrange um sétimo da população mundial. Isso é somente para ilustrar, visualizar que essa ideia de consumo é ilusória.

O bem-estar ilusório do consumo, só é vivido “por uma parcela da população humana, pois a maioria luta apenas para sobreviver, tendo que enfrentar, agora, os graves problemas ambientais causados pelo próprio modelo econômico.”

 

DEFINIÇÕES DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL

Com base no livro: Conceitos para se fazer educação ambiental (1999), podemos apresentar diversas definições para EA.

1-      Educação ambiental é o aprendizado para compreender, apreciar, saber lidar e manter os sistemas ambientais na sua totalidade.

2-      Educação ambiental significa aprender a ver o quadro global que cerca um problema específico – sua história, seus valores, percepções, fatores econômicos e tecnológicos, e os processos naturais ou artificiais que o causam e que sugerem ações para saná-lo.

3-      Educação ambiental é aprendizagem de como gerenciar e melhorar as relações entre a sociedade humana e o ambiente, de modo integrado e sustentável.

4-       Educação ambiental significa aprender a empregar novas tecnologias, aumentar a produtividade, evitar desastres ambientais, minorar os danos existentes, conhecer e utilizar novas oportunidades e tomar decisões acertadas.

 

 

EA NA EDUCAÇÃO ESCOLAR

Os conhecimentos em relação à EA são constituídos por informações, valores e procedimentos que são transmitidos inicialmente às crianças na família. Torna-se necessário que o professor, ao desenvolver os conteúdos na sala de aula faça uma interligação entre os conhecimentos desses dois universos (familiar e educacional).

Considerando a escola como um dos ambientes mais imediatos do aluno, a compreensão de questões ambientais e as atitudes em relação a elas se darão a partir do próprio cotidiano da vida escolar. Por outro lado, é necessário levar as informações e ações desenvolvidas para fora dos muros da escola, já que os padrões de comportamento da família e as informações veiculadas exercem influência sobre as crianças.

 

Importante destacar nesse momento, que na disciplina de Ciências Naturais discute-se a temática do meio ambiente. Consequentemente, para desenvolver os conhecimentos sobre Educação Ambiental (EA), o professor, a partir da utilização do eixo temático: Ambiente (eixo temático proposto pelo PCN de Ciências Naturais), poderá desenvolver conteúdos relativos às problemáticas ambientais. Também, o outro material didático que poderá ser utilizado pelo professor didático é o PCN - Tema transversal – Meio ambiente.

A interdisciplinaridade pode ser conseguida pela utilização de projetos como uma estratégia de trabalho comum a diversos educadores.

- “Um projeto envolve uma série de atividades com o propósito de produzir, com a participação das equipes de alunos, algo com função social real.” (BRASIL, 2007, p. 82).

Isso significa que, a depender do tema e do ciclo em que o projeto será realizado, as apresentações poderão incluir a elaboração de jornal, cartazes, mural, maquetes, exposições orais e-ou experimentos.

Vale ressaltar que a Educação Ambiental representa assimilação e incorporação de novos valores, assim os professores cumprem essa tarefa à medida que desenvolvem novas iniciativas.

Profissionais que representam respeito e bons exemplos, contribuem para a formação de uma nova consciência, na medida em que desenvolvem algumas ações, tais como: o uso adequado da energia elétrica e da água, o não desperdício do giz, o aproveitamento de papel, a valorização do simples e do coletivo nos materiais pedagógicos e de consumo em geral.

 

ATIVIDADES ESCOLARES QUE AUXILIAM NA FORMAÇÃO DA CONSCIÊNCIA AMBIENTAL

Trazemos nesse momento, algumas atividades interessantes e que vão ao encontro da educação para a formação da consciência ambiental. Trata-se de alguns exemplos que podem e devem ser reconstruídos e aperfeiçoados pelo educador diante da sua prática pedagógica e da faixa etária a que se destina.

 

Sugestão de Atividade 1: o meio ambiente na escola: uma reflexão para a cidadania ambiental

- Refletir sobre a responsabilidade de cada ser humano para a preservação do meio ambiente.

- Estimular a constância de ações individuais e em grupo, para melhoria do meio ambiente.

- Incentivar o desenvolvimento da sustentabilidade.

Materiais necessários:

Papel para escrever e lápis.

Desenvolvimento da Atividade:

Organizar uma roda de conversa. O professor solicitará que cada aluno, individualmente, faça um relato sobre o que gostariam de fazer pelo meio ambiente, a fim de torna-lo mais bonito.

Os alunos deverão ser orientados a anotar em seu caderno sua própria sugestão e a(s) sugestão(ões) de um colega que tenha gostado.

Essa estratégia irá estimular os alunos a colocarem em prática pelo menos duas sugestões por ele escolhidas (ações efetivas).

No final de um período, o professor deverá retomar essa atividade, verificando se os alunos conseguiram realizar seus desejos de melhoria para o meio ambiente.

Outra estratégia didática indicada é a solicitar que os alunos descrevam por meio de uma narrativa e-ou da elaboração de uma lista de ações para auxiliá-los a analisar as razões pelas quais conseguiram (ou não) concretizar suas ideias-desejos para efetivamente melhorar o meio ambiente.

 

Sugestão de Atividade 2: “O cultivo de plantas na escola”

Material:

Vasinhos com flores ou sementes de plantas.

Objetivo:

Estimular e ensinar os alunos a cultivarem plantas.

Desenvolvimento da atividade:

De forma prazerosa os alunos poderão vivenciar como é a germinação da semente, seu processo de crescimento e desenvolvimento, entre outras coisas. Essa atividade pode ser feita na própria sala de aula. O professor pode ensinar os alunos a plantarem e cuidarem da plantinha durante o ano. Vários temas podem ser trabalhados a partir desse contexto: trocas gasosas, produção de energia, polinização, reprodução, importância dos produtores, importância da água para a vida.

 

Sugestão de Atividade 3: “A água e a natureza”

Objetivos:

Trabalhar a temática água, focalizando as enchentes e o tratamento da água para o consumo

Sensibilizar os alunos em relação à consciência ambiental

Materiais:

Jornal, revista, Internet

Desenvolvimento da atividade:

O professor deverá solicitar aos alunos pesquisas em jornal, revistas e meio eletrônico. Os alunos deverão entregar ao professor as reportagens encontradas (verificação das reportagens trazidas pelos alunos). A classe deverá ser dividida em grupos, e cada grupo irá se reunir para realizar a leitura e estudá-la para apresentar para a classe.

O professor deverá orientar cada grupo em relação à apresentação, sugerindo que utilizem alguns recursos visuais (fotografia, gráficos, vídeos, entre outros) para mostrar o local da notícia, bem como para exemplifica-la.

Antes da apresentação, o professor deverá lembrar aos alunos sobre a atenção e o respeito no momento da apresentação dos colegas. Após a apresentação de cada grupo, o professor poderá destacar e-ou complementar as informações apresentadas.

 

Sugestão de Atividade 4. Entrevista biográfica: conhecendo pessoas com ideais ecológicos

Objetivos:

Trabalhar a temática da prática ambiental.

Sensibilizar os alunos em relação à consciência ambiental.

Desenvolvimento da atividade:

O professor pode sugerir que os alunos se organizem em grupo e elaborem elementos para realizarem uma entrevista com alguma(s) pessoa(s) com práticas ecológicas (militante, educador, agricultor e etc.)

A entrevista pode ser conduzida para que o entrevistado conte sua trajetória de vida. Algumas perguntas podem ser feitas, como:

A)     Como e quando o entrevistado passou a aderir aos valore ecológicos¿

B)      Que acontecimentos pessoais e históricos foram importantes no seu percurso¿

C)      Como tudo isso modificou seu estilo de vida¿

 

Outras atividades:

- Leitura da paisagem rural ou urbana (entrevistas, confecção de mapas, fotos, história, elementos culturais, problemas ambientais).

- Lixo, diferentes tipos e destinos, problematização.

- Atitude interdisciplinar na prática docente.

 

ATIVIDADE

A Educação Ambiental (EA) surgiu como uma possibilidade de enfrentar o papel do ser humano no mundo. Aparece, ainda, como um despertar de uma nova consciência solidária, colaborativa e ética, visando a um mundo melhor. Nesse contexto, de acordo com São Paulo (1999) há algumas maneiras de se definir Educação Ambiental. Com base nessa afirmativa, analise as definições abaixo e, depois, assinale a alternativa que corresponde às definições de Educação ambiental, segundo o autor:

  1. É o aprendizado para compreender, apreciar, saber lidar e manter os sistemas ambientais na sua totalidade.
  2. Significa aprender a ver o quadro global que cerca um problema específico – sua história, seus valores, percepções, fatores econômicos e tecnológicos, e os processos naturais ou artificiais que o causam e que sugerem ações para saná-lo.
  3. É a aprendizagem de como gerenciar e melhorar as relações entre a sociedade humana e o ambiente, de modo integrado e sustentável.
  4. Significa aprender a empregar novas tecnologias, aumentar a produtividade, evitar desastres ambientais, minorar os danos existentes, conhecer e utilizar novas oportunidades e tomar decisões acertadas.
  5. Compreende o espaço da vida, formado pelas condições naturais do clima, solo, da floresta, dos animais, das águas, da atmosfera. (definição de meio ambiente)

 

a)      I, II, III, IV, V

b)      I, II, III, IV (CORRETA)

c)       II, III, IV

d)      II, IV

e)      III, V

 

Observação: Na aula virtual o professor anunciou como correta a alternativa A.

Exibições: 5

Aniversários

Não há aniversários hoje

Eventos

Poema ao acaso

CENPESJUR

© 2017   Criado por Sílvia Mota.   Ativado por

Relatar um incidente  |  Termos de serviço